Descrição                      


O módulo de Classificação de Risco foi desenvolvido com base no modelo de Manchester que amplamente utilizado no Brasil.


Com a ferramenta, é possível registrar e tomar decisões de maneira rápida e precisa, melhorando o tempo de atendimento aos pacientes mais graves.
Toda a operação pode ser feita através de computadores, tablets e até smartphones.

Principais características


  • Configuração dos discriminadores
  • Configuração dos graus de risco (cores / tempos)
  • Configuração de fluxogramas
  • Configuração dos destinos (internos/externos)
  • Lista de pacientes a classificar / classificados
  • Possibilidade de criar várias classificações para o mesmo atendimento
  • Relatórios de produtividade por profissional e classificações realizadas

Classificação ágil e simples

Gráfico de classificações realizadas


Módulos relacionados